Segunda-feira, 9 de Abril de 2007

Declaração de intenções

Holocausto Shoah tem por objectivo constituir-se num repositório de textos em língua portuguesa dedicado ao martírio judaico perpetrado no século passado na Europa. Seis décadas após a concretização desta barbárie a teoria da conspiração dos sábios de sião, o «bode expiatório» hebraico, o negacionismo do plano de extermínio judaico continuam bem presentes em muitas latitudes do globo. Literatura pseudo-científica elaborada e difundida na Europa e EUA, filmes, telenovelas e conferências produzidos nos países muçulmanos tentam «despertar» as massas para os malefícios da conspiração universal dos judeus contra todos os outros povos. Extremistas de todos os quadrantes políticos e religiosos, «altermundialistas» e «pacifistas» apresentam Israel e os judeus como a causa de todos conflitos actuais. A constante provocação e ameaça nuclear iraniana gera silêncios e solidariedades perigosas. Por tudo isto, o anti-semitismo, ou judeofobia, que deveria estar erradicado surge nos sítios e momentos mais inesperados, como numa manifestação de rua em Lisboa, onde as vítimas judaicas são comparadas aos carrascos nazis. Impõe-se a memória e a pedagogia para alterar o rumo dos acontecimentos e para que a barbárie não volte a repetir-se. Dito e feito!
publicado por MJ às 00:26
link do post | comentar
4 comentários:
De Anónimo a 29 de Abril de 2007 às 03:29
aqui no brasil temos uma tolerância muito boa entre a comunidade judaica e os não judeus.não concordo com o que foi feito ao povo judeu na segunda guerra;foi uma aberração de um povo que de certa forma,foi pusilãmine e covarde.o pastor bonhoffer foi um dos poucos alemães que tiveram coragem de protestar,tambêm os irmãos scholl pagaram com a vida por sua coragem.


De Kiki Anahory Garin a 11 de Abril de 2007 às 13:45
Muitos parabéns por este seu blog, o qual já é o meu favorito.

Pode contar desde já com os meus comentário e alguns textos sobre este horror que foi o Holocausto.

Beijos
Kiki


De JÚLIO SILVA CUNHA a 11 de Abril de 2007 às 01:06
O site da CIP; http://www.comunidade-israelita-porto.org/


De JÚLIO SILVA CUNHA a 11 de Abril de 2007 às 01:04
Parabéns pela iniciativa e boas bloguices!
J.


Comentar post

Coordenação

MJ
Lisboa, Portugal

Perfil Completo

Contacto

europae65@gmail.com

Links

Tags

todas as tags

Posts Recentes

A Vida dos Livros por Gui...

Os Justos das Nações

Para Saul Friedländer, o ...

Enciclopédia do Holocaust...

Diabólica alquimia totali...

I conferência sobre o Hol...

Friedländer homenageado n...

A Vanguarda do Horror

«Shoah» de Claude Lanzman...

Uma obra dedicada à juven...

A banalização do Mal ou q...

Aristides de Sousa Mendes...

Ensinar o Holocausto aos ...

Somos todos Judeus

Os «Protocolos dos Sábios...

Charlotte Salomon

Um oficial do Exército al...

Holocausto: uma obsessão ...

"Memória do Holocausto". ...

Yad Vashem distinguido na...

Arquivo do Blog

Novembro 2007

Outubro 2007

Setembro 2007

Agosto 2007

Julho 2007

Junho 2007

Maio 2007

Abril 2007

blogs SAPO

Subscrever feeds